Adaptação, manutenção, limpeza e dificuldades no uso da prótese serão avaliadas durante as consultasA Secretaria Municipal da Saúde realiza, neste mês, levantamento dos pacientes portadores de próteses auditivas. O objetivo é diminuir a demanda das consultas de manutenção e acompanhamento que ocorrem no Fundo para Reabilitação das Deformidades Crânio-Faciais (Fundef).

Adaptação, manutenção, limpeza e dificuldades serão avaliadas nos dias 16, 23 e 30 de janeiro por meio de atendimentos individuais com a fonoaudióloga Gisele Rezende, tendo como sede o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). Conforme a coordenadora da pasta, Patrícia Nietiedt, “os atendimentos não influenciam na agenda de pacientes que já têm consulta prevista no Fundef. É um complemento a isso”.

A equipe da secretaria está entrando em contato para agendamento dos pacientes no horário compreendido das 13h às 17h. Caso alguém não for comunicado, deve entrar em contato pelo telefone 3760-4028.

Foto: Divulgação